INSVESTIR NO TRANSPORTE DE COMMODITIES É ESTRATÉGIA DA RG LOG PARA SEGMENTO AGRO

Ano passado, a empresa faturou 260 milhões e a previsão para 2016 é crescimento de 15% no faturamento.

Responsável por 24% do PIB nacional, o setor de agronegócios prepara-se para ampliar suas exportações e busca modernização no sistema logístico. A expectativa é que em 2020 o Brasil se torne o maior exportador de alimentos do mundo. Apostando nesta tendência, a RG LOG vem investindo em novas tecnologias, serviços personalizados e ampliando sua frota 100% monitoradas e rastreadas.
Esses são alguns diferenciais que a RG LOG oferece ao mercado de agro que, segundo o presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), João Martins, se mostra precário quando o assunto é infraestrutura e logística.
O novo diretor financeiro, Ivo Romani, enxerga neste gargalo uma oportunidade de crescimento para a RG LOG. “Grande parte do nosso investimento em 2016 será na RG AGRO, visando suprir o aumento de demanda que este mercado terá, uma vez que a expectativa é que o Brasil seja o maior exportador de alimentos do mundo”, comenta Romani.
Como principal investimento na RG AGRO, a empresa destaca a otimização do processo de transbordo de soja para conteiner. “O objetivo dos novos investimentos é oferecer soluções de maneira ampla e completa para este setor, permitindo que os clientes tenham acesso a uma logística eficiente e com custos reduzidos”, conta Romani.
A RG LOG opera uma frota com mais de 1.200 equipamentos e todas as suas operações são realizadas com os mais altos padrões de segurança e gerenciamento de risco.

Categorias
Logística - Transportes
Sem comentário

Deixe uma resposta

*

*

Categorias

RELACIONADO